Viagem a Foz do Iguaçu

Bom, vamos começar relembrando alguns passeios e aventuras realizadas pela Nanda e aos poucos vamos regularizando com os passeios atuais. Apesar de já terem ocorrido há um tempo, acredito que as informações possam servir para ajuda-los.

Confesso que sempre tivemos um “medinho” do comportamento da Nanda no avião e só fomos ter coragem de viajar com a mesma quando ela tinha acabado de completar 1 ano. Dica: não tenham medo, levem algo que eles gostem para distraí-los (no nosso caso, foi comida… rrsrsrs) e tudo ficará bem. Mas se você quiser evitar problemas meeeesmo, procure um voo noturno, pois é muito mais fácil para eles dormirem e a viagem ficar perfeita! 🙂

Fomos, em Fevereiro de 2015, para a casa dos meus pais em Chapecó/SC e de lá pegamos o carro em direção à Foz do Iguaçu, passando pela Argentina, num total de aproximadamente 5h de viagem.

Em Foz, ficamos hospedados no Wish Resort Golf Convention Foz do Iguaçu (http://www.wishgolfresort.com.br/gastronomia-e-lazer/wish-para-crian-a-as.htm). Hotel maravilhoso que nos atendeu super bem e com um espaço muito bom tanto para adultos quanto para crianças. O hotel não tem animação da forma que costumamos ver em resorts e hotéis fazenda aqui no RJ, mas possui um parquinho externo e uma área coberta para crianças com brinquedos, jogos e uma salinha de cinema. A Nanda brincou bastante neste espaço, mas o que ela curtiu mesmo foi a piscina (desde muito nova a água parece o habitat natural dela). O interessante do Wish Resort Golf é que existem piscinas entre os apartamentos (e com uma borda de água excelente para bebês), além da piscina principal do resort. Isso fez com que ficássemos com uma área quase que exclusiva, já que estávamos em um grupo de 12 pessoas.

Dica Adultos: o hotel nos permitiu levar bebidas destiladas e ainda levaram balde de gelo e taças para a gente, na área da piscina. Se vocês curtem, vale dar uma conversada com o Hotel antes para negociar esta situação.

Para crianças maiores (e adultos… rsrsrsrs), o hotel apresenta outras atrações tais como: arvorismo, quadra de tênis, mini golf, entre outros.

IMG_8344

Além do hotel ser muito bom, ele fica em uma localização privilegiada, próximo ao aeroporto (que para nós não fez tanta diferença) e próximo ao Parque das Aves e Cataratas do Iguaçu.

Acabamos não conseguindo ir ao Parque das Aves, infelizmente, pois ficamos apenas o final de semana. Mas fomos nas Cataratas e, sinceramente, não aconselho levar crianças muito pequenas.

Andamos muito até chegar no ponto mais bonito das Cataratas e a Nanda acabou dormindo no caminho o que fez com que sofrêssemos para carrega-la no colo. Sim, no colo… a gente sobe muita escada, desce escada, apesar de não ter levado carrinho, não achei o local apropriado para isso. Mas, mesmo a Nanda não tendo curtido, eu achei o local maraaaavilhoso e, por favor, nada de capa de chuva, o legal mesmo é se molhar com a água espirrando para tudo quanto é lado!!! 😊

Bom pessoal, espero que tenham curtido e que as dicas apresentadas tenham serventia…

Opa!!! Já ia me esquecendo do principal desta viagem!!!! A Nanda foi fichada na Argentina e quase não deixaram ela sair de lá… rsrsrsrsrs

Tirinha1

Como fomos para Foz do Iguaçu pela Argentina, tivemos de fazer uma Identidade (RG) para a Fernanda, pois eles não exigem o Passaporte (ver mais abaixo). No entanto, ao passar pela Fronteira eles emitem um papel (não consigo me lembrar ao certo do que é) indicando que você entrou e/ou saiu do país. Só que quando entramos na Argentina, por Foz do Iguaçu, o policial acabou não emitindo este documento e, ao sair da Argentina o tal documento foi exigido. Como não sabíamos disso, acabamos tendo de pagar uma multa (aproximadamente R$80,00) para que a Nanda fosse “liberada”. E pior, ela vai precisar ter de levar esse papel de liberação quando precisar entrar novamente na Argentina. Portanto, fiquem de olho nisso e caso vão apenas com a Identidade, certifiquem-se de que nenhum outro documento é necessário.

Vale a consulta: Itamaraty – Entrada na Argentina

Sobre a emissão de RG para crianças: processo muito simples e rápido, agendado junto ao Detran do RJ (http://www.detran.rj.gov.br/_agendamento.eletronico/DIC_II/tela02.asp).

Inclusive, ter o RG facilitou muito as demais viagens realizadas com a Fernanda, pois não precisamos mais andar com a Certidão de Nascimento.

_20150223_142439

Viajar para exterior sem passaporte: países do Mercosul e outros países sul-americanos com acordos nesse sentido não exigem a apresentação de Passaporte. São eles: Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela (https://pt.wikipedia.org/wiki/Passaporte_brasileiro). No entanto, já li alguns relatos de problemas em países como Bolívia e Venezuela. Antes de viajar, é sempre bom dar uma conferida no site do Ministério do Turismo.

Obs.: lembrando que o blog vai apresentar também as considerações feitas pelo Alex, pai da Nanda, desde os seus primeiros dias e que fizeram tanto sucesso no Facebook. Basta acessar a sessão “Considerações de um Pai“.

 

Um grande abraço,

Família Nanda Aventureira!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.